• Gustavo Bresolin

Senha forte, dados protegidos!

A utilização de sistemas em nuvem para gerenciar dados e documentos cresce cada vez mais em grandes corporações. Contratam plataformas altamente seguras e robustas, mas que podem ter um calcanhar de Aquiles: a senha fraca de um usuário com acesso.


Senhas fracas são aquelas em que constam apenas letras e números, muitas vezes em sequências óbvias, números de telefone, data de nascimento, nome de familiares ou pets.


Senhas fortes são capazes de evitar ataques baseados em dicionário/wordlist e força bruta/brute force, desde que sigam alguns critérios:

A. No mínimo 8 caracteres;

B. Incluir letras minúsculas e maiúsculas;

C. Incluir números;

D. Incluir caracteres especiais.

Uma senha será considerada de força média caso atenda dois dos parâmetros: B e C ou D.


E será considerada forte caso atenda todos ou dois dos parâmetros B, C ou D e possua no mínimo 16 caracteres.


Para garantir mais segurança à empresa contratante, utiliza recursos de testes que desqualificam senhas imediatamente caso sejam consideradas fracas, obrigando e orientando o usuário a criar uma senha média ou forte.


Ao contratar uma plataforma que compartilha informações, entenda os riscos quando há pessoas utilizando o sistema. Entretanto, conhecer o quanto a empresa contratada se importa com a segurança da contratante pode ser uma peça chave na hora de decidir uma aquisição de SAAS (Software as a Service).



0 visualização

Conquistando diversos setores desde 2011, a W3K entrega inteligência de mercado para grandes empresas, atuando em todo continente americano. Sua equipe é capacitada para atender de forma aderente a padrões e melhores práticas internacionais.

  • Bandeira_USA
  • Google Maps
  • Linkedin
  • Instagram W3K